Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O ano da conquista do tricampeonato, 39 anos depois da última ocasião em que a Luz tinha comemorado tal feito, foi também aquele em que a SAD do Benfica registou resultados positivos pelo terceiro exercício consecutivo. Fecha as contas relativas à temporada 2015-16 com um recorde de receitas (211,9 milhões da SAD e 236,6 milhões do grupo SLB) e regista o maior resultado líquido da história da SAD, com ganhos de 20,4 milhões de euros. Os prémios obtidos pelo desempenho na Liga dos Campeões, competição na qual a equipa de Rui Vitória atingiu os quartos-de-final, tendo sido eliminada pelo Bayern Munique, “tiveram um incremento muito significativo” e foram “o maior contributo” para este desfecho, sublinhou Domingos Soares de Oliveira, administrador da SAD benfiquista, em declarações aos jornalistas.

As receitas da Liga dos Campeões foram o maior contributo, apesar de termos crescido em todos os canais da nossa actividade. O segundo aspecto é o crescimento dos resultados: a SAD apresentou lucro líquido superior a 20 milhões de euros, e isso permite-nos ter um crescimento muito significativo nos capitais próprios, com capitais próprios positivos [de 20,9 milhões de euros]. O terceiro aspecto é o crescimento das receitas internacionais: o Benfica tem hoje mais de 60% das suas receitas no mercado internacional. É dinheiro que o Benfica traz de fora para Portugal”, enunciou Domingos Soares de Oliveira, em declarações aos jornalistas.

No exercício 2015-16 a SAD do Benfica registou ainda um aumento de 25,8 milhões de euros no passivo consolidado, que passou a cifrar-se em 455,5 milhões de euros. “Esta variação é essencialmente explicada pelo aumento dos compromissos com fornecedores e outros credores, face aos investimentos realizados na aquisição de direitos de atletas, que permitiram reforçar o valor do activo da Benfica SAD”, pode ler-se no comunicado enviado pela sociedade à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Com a conquista do campeonato e da Taça da Liga e a presença nos quartos-de-final da Liga dos Campeões, o Benfica registou um crescimento de 3,1% nos gastos com pessoal, que atingiram os 61,4 milhões de euros – uma subida explicada pelo aumento da componente variável (ou seja, o pagamento de prémios de desempenho decorrentes dos bons resultados desportivos).

A temporada 2015-16 também marcou, em termos financeiros, a redução da dependência da SAD do Benfica relativamente à banca. A dívida bancária conheceu uma diminuição de quase 50 milhões de euros. “Uma parte da dívida que tínhamos com o sistema financeiro nacional foi substituída por [dívida] obrigacionista. É uma tendência que eu acredito que vai manter-se ao longo dos próximos anos, no sentido de reduzirmos a dependência da banca nacional", notou Domingos Soares de Oliveira.

O posicionamento do Benfica no mercado de transferências é que não vai mudar. “No nosso modelo, para além das três receitas tradicionais (bilhética, patrocínios e direitos televisivos), criámos uma quarta componente que é a detrading de jogadores. Para nós, um bocadinho à imagem daquilo que o FC Porto fez durante alguns anos, é muito importante podermos realizar mais-valias com a venda de jogadores”, admitiu o administrador da SAD do Benfica. Em 2015-16 os rendimentos obtidos em transacção de jogadores atingiram os 81,9 milhões de euros, “sendo de destacar os ganhos obtidos com as transferências de Renato Sanches, Gaitán, Ivan Cavaleiro e Lima”, acrescenta o comunicado à CMVM.

Para pagarmos bons salários e fazermos os investimentos que estamos a fazer neste momento, em termos de infra-estruturas, é muito importante que a transacção de jogadores se mantenha”, sublinhou Domingos Soares de Oliveira, rejeitando porém qualquer necessidade de vender em Janeiro: “Não é preciso. Nós fazemos a planificação das nossas necessidades de tesouraria com bastante antecedência relativamente a cada ano, e não temos nenhuma necessidade específica de vender jogadores em Janeiro.”

Fonte: Publico.pt

Autoria e outros dados (tags, etc)



Simbolo
Fundador
115-anos
Reconquista-37

OBENFICA

MISTICA

twiiter

# Classificação 2019/20








Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

CONTACTO silva.joaodiogo@hotmail.com

Pesquisar

Pesquisar no Blog