Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Jogo complicado para o Benfica na Luz. No entanto, apesar de sofrer primeiro, conseguiu consumar a reviravolta no marcador e derrotar o Aves, por 2-1, na 16.ª jornada da I Liga.

André Almeida, aos 89 minutos, salvou o Benfica de perder pontos no seu estádio, depois de no início da 2.ª parte ter recebido um cartão vermelho de Carlos Xistra, que o árbitro acabou por retirar após consulta do videoárbitro.
 

André_Almeida.jpg

Nem sempre a superiodade chega para uma equipa se colocar em vantagem. Prova disso foi a primeira parte deste jogo. O Benfica somou nada mais, nada menos que 15 remates em 45 minutos, mas a bola nunca cruzou a linha de golo.

Bruno Lage, apostou na titularidade de André Almeida, Weigl, Jota e Seferovic, e a equipa entrou dominante no encontro, perante um Aves claramente mais defensivo.

A equipa de Nuno Manta Santos estava mais talhada para não sofrer, mas a verdade é que das poucas vezes que incomodou Odysseas conseguiu marcar. Aos 20 minutos, Mohammadi fez a incursão pelo lado direito do ataque do Aves, deixou Ferro para trás e fuzilou o guardião do Benfica, ao mesmo tempo que silenciou o Estádio da Luz. 

O Benfica veio com tudo para cima do Aves e sucederam-se oportunidades de golo. Não se pode reclamar da forma como a equipa construiu, embora na finalização tenha estado com algum desacerto. Beunardeau estava inspirado entre os postes, e mesmo quando não era o guarda-redes do Aves, eram os defesas a cortar em cima da linha de golo ou a bola a embater com estrondo nos ferros da baliza avense.

Na segunda parte, Bruno Lage decidiu retirar Jota e lançar Carlos Vinícius.

O Benfica continuou a atacar, a criar perigo junto à baliza do Aves, mas Beunardeau esteve gigante entre os postes. O francês fez várias defesas de grande nível e mostrou-se intransponível fosse quem fosse o homem do remate… até ao minuto 76. Carlos Xistra assinalou grande penalidade sobre Vinícius e Pizzi não desperdiçou da marca dos 11 metros e fez o seu 12.º golo na I Liga.

O Benfica continuou em busca do golo que lhe permitisse não perder pontos e ia continuando a alvejar a baliza do Aves. Água mole em pedra dura… já diz o ditado. E foi precisamente ao 36.º remate que André Almeida, aos 89’, acabou por salvar o Benfica. Passe de Vinícius e o capitão benfiquista fez o 2-1 final com um remate no coração da grande área do Aves.

O Benfica conseguiu vencer aquele que se tornou, de forma inesperada, um dos jogos mais difíceis da temporada. Com esta vitória perante o Desp. Aves, o Benfica vai manter a distância de quatro pontos em relação ao FC Porto e somar o 13.º resultado positivo consecutivo na Primeira Liga.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



Simbolo
Fundador
115-anos
Reconquista-37

OBENFICA

MISTICA

twiiter

# Classificação 2019/20








Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

CONTACTO silva.joaodiogo@hotmail.com

Pesquisar

Pesquisar no Blog