Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Taça da Liga: SL Benfica 1-0 Nacional Madeira

por João Silva, em 30.12.15

Com uma tradição a manter, esta é mais uma competição para ganhar, mas Rui Vitória aproveitou também para dar minutos a alguns jogadores menos utilizados, promovendo várias alterações no onze inicial, com Ederson e Lindelof em estreia absoluta na equipa principal em 2015/16.

Ederson.jpg

No arranque da defesa do Troféu, o Benfica encontrou um Nacional que ocupa a 12.ª posição na Liga NOS, com 15 pontos, com quatro vitórias, três empates e sete derrotas (12 golos marcados e 15 sofridos)… mas que se apresentou na Luz pleno de ambição: início da partida e grande defesa de Ederson a mostrar serviço!

Primeira metade morna, muito morna, com os insulares muito bem organizados a nível defensivo – mas a espreitar o contra-ataque – com o Benfica a dispor de um par de boas oportunidades para inaugurar o marcador através de Carcela (35’) e Talisca (45’).

Carcela.jpg

Ao intervalo o nulo mantinha-se!

Segunda metade iniciada a papel químico da primeira com Ederson, com nova grande intervenção, desta feita a negar o golo a Luís Aurélio.

Na busca dos três pontos, Rui Vitória colocou em campo Renato Sanches, Jonas e Raúl mas a equipa de Manuel Machado manteve o atrevimento e esteve mesmo muito perto de marcar na Luz.

Jonas_Jimenez.jpg

Nos vinte minutos finais o Benfica carregou, intensificou a pressão, os lances atacantes sucederam-se mas foi preciso esperar pelo minuto 89’ para ver a redondinha finalmente entrar!

Enorme cruzamento de Pizzi - na direita - a encontrar o avançado mexicano junto à marca de grande penalidade. Raúl antecipa-se a Nuno Campos e remata sem hipóteses para Gottardi.

Pizi.jpg

Estava feito o 1-0, resultado final da partida!

No outro desafio do Grupo, o Oriental perdeu com o Moreirense por 2-4. João Sousa (6), Boateng (45+2’) e Rafael Martins (86’ gp e 90') fizeram os golos dos vimaranenses; Tom (34’) e Fernando Santos (90+2’) foram os autores dos tentos dos cónegos.

Com estes resultados, Moreirense e SL Benfica somam três pontos, seguindo-se CD Nacional e Oriental com zero.

O SL Benfica apresentou o seguinte onze: Ederson; Sílvio, Lindelof, Lisandro, Eliseu; Samaris, Pizzi, Cristante (Renato Sanches, 45’), Talisca (Jonas, 57’), Carcela; Mitroglou (Raúl, 76’).

Benfica_Nacional.jpg

A Taça da Liga tem a 2.ª jornada agendada para o dia 19 de janeiro, com os “encarnados” a deslocarem-se ao reduto do Oriental.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Benfica contrata Grimaldo

por João Silva, em 29.12.15

grimaldo.jpg

Benfica e FC Barcelona chegaram a acordo para a transferência do jogador Alejandro Grimaldo por uma quantia de 1,5 milhões de euros

Sem quantificar, o Benfica acrescenta que o FC Barcelona terá direito a uma percentagem numa futura venda do jogador.

Campeão europeu de sub-19, em 2012, Alejandro Grimaldo vai concorrer com Eliseu pela posição de lateral-esquerdo.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Taça CTT.png

O Benfica recebe esta terça-feira o Nacional da Madeira, em jogo da primeira jornada da fase de grupos da Taça da Liga.

Os "encarnados", atuais detentores do troféu, partem à procura do sétimo título em nove edições da prova. O Benfica tem sido rei e senhor desta Taça da Liga que já venceu por sete vezes. SC Braga e V. Setúbal são as outras equipas que já ganharam esta prova.

Para o jogo de hoje, Rui Vitória deixou bem claro que quer vencer, para assim arrancar bem na prova. Os "encarnados" vão ter a oportunidade de se despedirem de 2015 em casa, frente aos seus adeptos, num encontro que pode lançar a equipa para as meias-finais da prova, em caso de triunfo sobre o Nacional.

O técnico "encarnado" não deverá fazer muitas alterações na equipa. Do lado do Nacional, Manuel Machado terá de mexer algumas pedras no seu xadrez já que não pode contar com Salvador Agra, João Aurélio e Mauro.

Jogar contra o Nacional é tradicionalmente difícil porque é uma equipa que se bate muito bem, organizada, que sabe sair para o contra-ataque. Temos que ter todas as atenções porque cria muitos problemas aos adversários. Mas isso não invalida aquilo que queremos para o jogo e que a nossa dimensão exige”, afirmou Rui Vitória.

Convocados:

Guarda-redes – Ederson, Júlio César e Paulo Lopes;

Defesas – Lisandro, Lindelof, Eliseu, Sílvio, Jardel e André Almeida;

Médios – Fejsa, Samaris, Pizzi, Cristante, Talisca, Carcela, Renato Sanches e Gonçalo Guedes;

Avançados – Raúl, Mitroglou e Jonas.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Rui Vitória antevira um desafio complicado, face a um adversário atrevido… mas avisou que os seus jogadores “iam deixar a pele em campo” com um único objetivo em mente, a vitória, pois claro!

Início muito prometer, com um Benfica personalizado a marcar logo nos minutos inaugurais.

Minuto 3’, Pizzi – de calcanhar - assiste Jonas que, primeiro remata à figura de Cássio, mas à segunda, depois de um ressalto em Gonçalo Guedes, atira sem hipóteses para o primeiro golo da tarde… e o 12.º na sua conta pessoal.

Benfica_Rio-Ave_1.jpg

No lance seguinte, as “águias” poderiam ter dilatado a vantagem, mas o remate de Renato Sanches passa a centímetros do poste.

Bom jogo, bem disputado… mas o golo do empate chegaria antes do primeiro quarto de hora.

Lisandro faz falta à entrada da área sobre Renan Bressan. Na cobrança do livre, o médio brasileiro remata de forma irrepreensível, a fazer a bola entrar junto ao poste direito da baliza, sem qualquer hipótese para Júlio César. Estava reposta a igualdade, à passagem do minuto 13.

Benfica_Rio-Ave_3.jpg

Segunda metade com o Benfica a controlar, face a um Rio Ave organizado e a espreitar o contra- golpe. Mitroglou, Jonas e Pizzi bem tentaram a sorte, mas Cássio respondeu sempre à altura. 

Perante 45955 nas bancadas da Luz, Rui Vitória fez entrar Fesja, Carcela e Raúl com as “águias” instaladas no meio campo adversário em busca dos três pontos.

No tudo por tudo final, Renato Sanches (76’) avisou… e, aos 81’, o golo da justiça! Cruzamento com conta, peso de medida de Carcela, com Jonas a cabecear mortífero para a vantagem! 

Benfica_Rio-Ave_2.jpg

Grande momento na Luz.

Dois minutos depois foi a vez do brasileiro assistir Raúl que, na cara de Cássio, atirou sem hipótese para o 3-1 final!

O SL Benfica alinhou de início com Júlio César; André Almeida, Lisandro, Jardel e Eliseu; Samaris (Fejsa, 45’), Pizzi, Gonçalo Guedes (Carcela, 59’) e Renato Sanches; Jonas e Mitroglou (Raúl, 69’).

Com este resultado, o Benfica ocupa o 3.º lugar da classificação, soma 31 pontos, fruto de dez vitórias, um empate e três derrotas, com 34 golos marcados e dez sofridos.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pág. 1/6



Simbolo
Fundador
114_anos

OBENFICA

MISTICA

twiiter

# Classificação 2017/18








Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D


CONTACTO emailsilva.joaodiogo@hotmail.com