Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Ficou conhecido como o “Profeta” ou o “Pé Canhão”. Vinte anos 20 depois de ter representado o SL Benfica, Isaías, em entrevista ao Jornal “O Benfica”, recorda os momentos que viveu, elogia o crescimento do Clube e antevê uma época muito positiva.

Como recorda o período que passou pelo Clube?
- Foi maravilhoso a forma como cheguei ao Benfica, ao melhor Clube do Mundo. Mas antes tive de jogar e de mostrar o meu valor no Rio Ave para chegar depois ao Boavista. Na altura do Benfica, a maioria dos jogadores estrangeiros que atuavam no Clube jogavam nas diversas seleções dos seus países. Houve depois a dúvida em que lugar ia encaixar na equipa, mas continuei a trabalhar afincadamente, consegui construir uma História no Futebol português ao longo desses cinco anos no Benfica e ainda hoje se lembram de mim, algo que é muito gratificante.

Vinte anos depois de ter jogado no Benfica, como vê o Clube atualmente?

- Tenho acompanhado o Benfica à distância, tem uma equipa técnica e jogadores novos, mas o Benfica é sempre o Benfica, está sempre vivo e só pode pensar em conquistar títulos.

Ter uma infraestrutura como o Centro de Formação e Treino é fundamental, na sua opinião, para poder estar entre os melhores do mundo?

- É extremamente importante. O Benfica faz parte do património português e é realmente importante o investimento que é feito nas infraestruturas. Esta expansão devia ser alargada para fora de Portugal. Os portugueses que vivem aqui deviam ter um local para a Formação de jogadores, mas mesmo para aqueles que estão em Portugal era muito positivo poderem passar um período no Brasil, assim como jovens brasileiros fazerem estágios em Portugal. O Futebol globalizou-se e por isso por que não avançar com essa ideia?

E em relação ao trajeto da equipa de Futebol, como está a ver o decurso da presente época?
- Tudo é possível, o trabalho é feito em torno dos objetivos delineados no início de época. O Benfica quer ser Campeão Nacional todos os anos e tem de trabalhar ao longo desta época para isso, até porque vão existir mais dificuldades.

“Venham mais títulos para engrandecer o Clube”

O Boavista, um dos clubes que representou, é precisamente o próximo adversário do Benfica no Campeonato. Que expectativas tem para este jogo?

- Não sei, os dois clubes moram no meu coração. Mas, por jogar em casa, o Benfica é o favorito a vencer a partida. Agora, também, é verdade que o Boavista sempre dificultou a vida do Benfica na Luz.

O Boavista é treinado por um antigo jogador do Benfica. Julga que é uma equipa à imagem daquilo que Petit foi enquanto futebolista?
- Penso que sim. Os clubes, por vezes, contratam treinadores pela forma como estes foram jogadores dentro de campo. Esse treinador chegou ao Boavista e a equipa jogou muito bem na época passada. 

Qual a mensagem que gostaria de deixar aos Sócios, adeptos e assinantes do Jornal “O Benfica” que vão ler a sua entrevista?
- Que continuem a valorizar aqueles que sentiram, sentem e passam a Mística do Benfica. Desejo que corra tudo de bom nesta época e que venham mais títulos para engrandecer o Clube.

Fonte: SLBenfica.pt

Autoria e outros dados (tags, etc)


Liga dos Campeões: SL Benfica 2-1 Galatasaray

por João Silva, em 04.11.15

O Benfica venceu o Galatasaray por 2-1 na 4.ª jornada da Fase de Grupos da Liga dos Campeões. Depois do empate a zero entre Astana e Atlético, os “encarnados” são líderes isolados do Grupo C.

Grupo C.jpg

Poucas foram as mexidas de Rui Vitória relativamente ao onze que alinhou em Istambul há 15 dias – quando a formação comandada por Hamza Hamzaoglu venceu por 2-1. Talisca, que entrou para o lugar do castigado Samaris, foi a única alteração.

Esta noite, no Estádio da Luz, entrou melhor o SL Benfica com um remate de Nico Gaitán logo aos 3’. Jogada de classe do argentino que, após uma roleta, tentou o remate mas acabou por sair ao lado.

Benfica_Galatasaray_4.jpg

Com os Bicampeões Nacionais a mandarem no jogo e à procura do golo, Raúl viu Muslera negar-lhe aquele que poderia ter sido o primeiro da noite, aos 5’, e, na recarga, Gaitán atirou pertíssimo do poste!

Aos 21’, primeira ameaça do Galatasaray, com um remate perigoso de Podolski. Aos 25’, canto a favor da equipa turca batido por Kisa, com a bola a sobrar para Sneijder, que, fora da área, rematou para defesa de Júlio César.

A fechar o primeiro tempo, Milorad Mazic mostrou o cartão amarelo a Nico Gaitán. Burak Yilmaz devia ter sido expulso por mão na bola mas o árbitro sérvio mostrou antes o amarelo a Gaitán por protestos…

Empate a zero numa primeira parte que começou bem, sobretudo devido à boa entrada dos “encarnados” que já mereciam estar na frente do marcador.

Aos 52’ a Luz fez-se ouvir. Dois anos depois, Jonas voltou a marcar na Liga dos Campeões. Estava feito o 1-0.

Benfica_Galatasaray_1.jpg

Uma vantagem que durou apenas cinco minutos. Aos 57’, o alemão Podolski rematou e restabeleceu a igualdade.

Aos 67’, Luisão voltou a colocar o SL Benfica na frente do marcador. Após um canto batido por Nico Gaitán, a bola sobrou para Jiménez que conseguiu desviar para o capitão que não deu hipótese a Muslera.

Benfica_Galatasaray_2.jpg

A cinco minutos do final, segundo cartão amarelo para Nico Gaitán que falha, por isso, o jogo com o Astana.

Com este resultado, o SL Benfica é líder isolado do Grupo C - com nove pontos, mais dois do que os espanhóis do Atlético - e está mais perto da qualificação para os oitavos de final da competição.

Benfica_Galatasaray_3.jpg

Rui Vitória fez alinhar o seguinte onze inicial: Júlio César; Sílvio, Luisão, Jardel e Eliseu; Gonçalo Guedes (73’ Carcela), André Almeida, Talisca (90' Cristante) e Gaitán; Jonas (80’ Pizzi) e Raúl.

Fonte: SLBenfica.pt

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pág. 3/3



Simbolo
Fundador
115-anos
Reconquista-37

OBENFICA

MISTICA

twiiter

# Classificação 2019/20








Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

CONTACTO silva.joaodiogo@hotmail.com

Pesquisar

Pesquisar no Blog