Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Benfica_Porto.jpg

Os dados estão lançados. Passaram-se 26 jornadas e Benfica e FC Porto, com as suas qualidades e defeitos, chegam ao Clássico separados apenas por um ponto. Mas qual foi o caminho das duas equipas até ao jogo da Luz que pode decidir o título? O SAPO Desporto analisou os resultados de águias e dragões para perceber o que separou a regularidade das duas equipas na prova principal do campeonato português.

O Benfica chega a este encontro com 20 vitórias, dez no Estádio da Luz e dez fora de portas. Durante a sua caminhada vitoriosa, o conjunto de Rui Vitória conseguiu três goleadas por 4-0 (frente ao Tondela, Belenenses e Feirense) e quatro goleadas por 3-0 (Arouca, Nacional, Paços Ferreira e Moreirense). No entanto, também averbou cinco vitórias pela margem mínima, sendo que três delas foram mesmo por 1-0 (Estoril Praia, Braga e Feirense).

No lado mais negativo, o clube da Luz perdeu pontos em seis ocasiões, traduzidas em quatro empates (Paços Ferreira, Boavista, FC Porto e Vitória de Setúbal) e duas derrotas, concedidas frente ao Marítimo (2-1) e Vitória de Setúbal (1-0).

O FC Porto, por outro lado, tem mais empates que o Benfica mas menos uma derrota. A equipa de Nuno Espírito Santo chega ao Clássico com 19 vitórias, divididas entre 12 triunfos em casa e sete vitórias fora do Estádio do Dragão.

Os dragões vencem o clube da Luz no capítulo das goleadas, ao conseguirem oito goleadas ao invés das sete conseguidas pelo Benfica. Para além da maior goleada desta época no campeonato, com o 7-0 ao Nacional, o clube portista conseguiu mais quatro goleadas por 4-0 (Arouca, Tondela, Feirense e Nacional) e três goleadas por 3-0 (Arouca, Vitória de Guimarães e Moreirense).

Pelo lado negativo, o FC Porto perdeu pontos em sete ocasiões, divididas em seis empates e uma derrota. O clube portista empatou duas vezes em casa (Benfica e Vitória de Setúbal) e quatro vezes fora de portas (Paços Ferreira, Belenenses, Vitória de Setúbal e Tondela). Destaque também para o facto de que os empates concedidos pelos 'azuis e brancos' foram de 0-0 e de 1-1.

Quanto a derrotas, os dragões apenas perderam uma vez, frente ao Sporting, em Alvalade, num jogo que terminou 2-1 para a equipa de Jorge Jesus.

Decorridas 26 jornadas, não há muito que separe os dois candidatos ao título, que se voltam a encontrar, depois de um empate a uma bola na primeira volta, num jogo que pode muito bem decidir quem será o próximo campeão nacional português.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



um passado de glória um futuro de vitória benfica




twiiter

# Classificação 2017/18




# Universo Benfiquista











titulos GLORIAS ETERNAS

eusébio
Mario Coluna








Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D


CONTACTO emailsilva.joaodiogo@hotmail.com